Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

Asteriscos

Rita, 01.03.06
Nunca as achei tão diferentes umas das outras como agora. Até uma determinada altura, e com excepçção do primeiro ano da Inês que correspondeu ao segundo da Maria, brincavam juntas, dormiam às mesmas horas, comiam as mesmas coisas e, às vezes, até se vestiam de igual. Quando a Maria foi para a escola, independentou-se mas em casa não notei grandes diferenças.
Agora noto.

A Maria está mais autónoma, mais púdica com o corpo, mais contestatária, mais companheira e muito mais chata para comer. Haverá touchpoints aos sete anos?

As duas mais velhas nem sempre brincam juntas. Aliás, a Maria gosta bastante de brincar com a Carmo* enquanto a Inês desaparece e se enfia no quarto a fazer desenhos. Estão na fase de me deixarem de me dar trabalho-dependente** para me meterem noutros trabalhos (explico-lhes os perigos da internet e respondo sem corar o que é que faço aos O.B.´s)

De repente, deixei de ter um bebé em casa, com o bom e o mau que isso acarreta***, e passei a ter uma lapa. Não me larga, nunca, nunca. É a mãe que veste e que dá a sopa e que põe a fazer xixi e o pai não!, é fêio e a mãe que lava os dentes e que brinca e que lê pela milionésima vez a história do Mikito João e que quase dá em maluca por ter uma sombra que não chega a um metro.

* Tu ésh o bébé e eu shou a mãe, póde sher?

** lavar, comer, vestir, pentear e por aí fora.

*** tenho saudades, pronto.
O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

5 comentários

Comentar post