Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

Eu, tu, ele, nós, vós, eles

Rita, 20.06.06
Há uns dias reencontramo-nos no sítio do costume, um sítio delicioso e que, ainda por cima, tem uma piscina que faz as alegrias da criançada mesmo que o dia seja de chuva, como foi aquele. Não me apetecia escarrapachar aqui com as lamechices verdadeiras do "gostamos muito de vocês" que isso fica para mails e sms e cartas que as miúdas vão escrever sobre olhos de peixes e bolas em cima da cobertura do terraço, mas é tão óbvio, esse gosto, que não resito à banalidade de o escrever.

Chovia, nesse dia. Mas de repente veio o sol e a piscina encheu-se de bóias e braços e pernas e risotas. À Carmo vesti-lhe um fato de banho insuflável e encaixei-a numa bóia redonda. Aconselho a proeza: consegui não ter que me enfiar na água apesar de não ter arredado pé dali. Não estava assim tanto calor e a chuva acabou por voltar e tornar a ir e tornar a vir e a ir. Um tempo quente, húmido, abafado. Uma chatice, um tempo esquisito e cansativo, quase tropical. Ontem esteve frio e hoje também está e assim já não me parece bem andar de perna ao léu, que agora já posso - tenho o melhor creme com cor que vou pagar em milhares de prestações presenciais. Também já tenho andado de havaianas. Ah! Ao fim de muitos anos voltei a usar biquini.

O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

3 comentários

Comentar post