Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

Na sexta

Rita, 27.09.10

Dois anos depois duma luta interior quero-mas-tenho-medo-digam-lá-quanto-é-que-dói, saiu da escola e disse:

- Quero ir AGORA furar as orelhas.

Refiz mentalmente a agenda do fim da tarde (que é a parte mais complexa da agenda) e nem respirei. Só parei à porta da ourivesaria.

Pediu-me que lhe desse a mão e em três minutos (três!), estávamos despachadas.

Nem um ai.

 

Há um tempo para tudo.

O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

6 comentários

Comentar post