Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

55, e do que me fui lembrar

Rita, 25.05.09

 

 

 Errata: onde está "you" deve estar "I"

 

I hope you got fat
I hope you got really fat
cause if you got really realy fat
you just might want to see me come back
I hope you got fat

I don't care I don't care
ah how heavy how skinny
I don't care I don't care
ah how heavy how skinny
just gimme gimme some some ah
some some something to love

A little extra weight could
never look no nicer on nobody else but you
and I could use a little bit more to hold on to
and if I get a fright in the middle of the night
I'll cling to you

I hope you got fat
I hope you got truly fat
cause if you got really
FAT FAT FAT
you just might want to see me come back
I hope you got fat

 

(Gosto muito desta musica)

 

Ali mais em baixo, estará o gajedo aos gritos de insulto - a parva! a magra a armar ao pingarelho! e irónicas - coitadinha...tão magrinha...

Gritem. Desde que não me comam os papo-secos nem as malgas de sopa, ou me roubem os bifes empastados em natas e os rissóis a tresandar gordura. Gritem, mas deixem a comida que ando rota de fome.

Hei-de perguntar à Maria mais velha que doença será esta, que já sei que não tenho lombrigas nem ténias e parece que a anemia vai melhorzinha, obrigada. Há um bicho dentro de mim que se alimenta das gorduras e amidos e hidratos de carbono que meto para dentro. Ontem, antes de me deitar, comi duas colheres de sopa de açucar amarelo. Isto não é normal.

Nunca estive tão magra e isto começa a chatear-me. As calças caem-me pelas pernas abaixo, as saias andam presas com alfintes e deixei de ter mamas. Também ando magra de bons humores e isso é que é do caraças. Mais seis quilos e seria uma mulher muito mais feliz. mas a sério que não consigo. Como até quase rebentar, agora até me obrigo a estar mais tempo sentada, mas é o bicho, é o bicho, que vem me devorar.

 

Prémio pior vídeo e pior música (de sempre), mas boas gargalhadas:

 

 

O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

18 comentários

Comentar post

Pág. 1/2