Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

Quase 9 anos

Rita, 31.10.08

Lembro-me que um dia, teria ela uns 3 ou 4 anos, desabafei com a pediatra que achava que tinha uma filha um bocadinho triste. Já naquela altura vivia metida para dentro. Agora, tanto tempo depois, é uma miúda alegre mas tão sensível que é capaz de chorar porque o copo dela está meio vazio e o meu está meio cheio.

Nunca tem pressa para nada, é bastante desorganizada e só arruma as coisas dela a pedido. Se calhar isto é tudo normal numa miúda de 8 anos.
Quando tem que fazer composições, há sempre mortos ou feridos. Noutro dia nem sequer era uma composição, bastava resumir em meia dúzia de linhas a formação de Portugal. E em meia dúzia de linhas, referiu o ano da morte de quase todos os intervenientes.
 
Agora que ando às voltas com as roupas mais quentes, verifico que cresceu imenso. Como é que não dei conta disso antes?
O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

6 comentários

Comentar post