Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

Delas

Rita, 19.11.07
Estão agora a dormir as três no mesmo quarto.
De repente, a Maria passou a ter muitos trabalhos de casa e a precisar de usar a secretária até mais tarde. A Inês a querer dormir de luz apagada, a Maria a precisar da luz acesa, a Carmo na resmunguice continuada do não é justo só eu a dormir sozinha nesta casa.
Desmontada uma cama no quarto que tinha duas e mudada a cama da Carmo que tem outra por baixo, ganhámos um quarto extra para as secretárias, as mochilas, os livros e alguns cestos com brinquedos silenciosos. Já aconteceu estarem as duas mais velhas a estudar e a Carmo a brincar sem fazer barulho. Ou a fazer "uma ficha" na sua mini-mesa. Comprei-lhe uns livros do primeiro ano porque já não aguentava o "também quero fazer os trabalhos de casa!" São exercícios rudimentares, desenhos de formas, tracejados, identificação de números. Nada que lhe possa fazer mal. Mal faz-lhe a mania dos jogos no pc, e nem com um password se deixa enganar:
- Ó Maria, escreve-me aqui no papel as letras para entrar no computador. Depois copia-as, uma a uma, no teclado. Daí aos dois cliques no "e" é um instante e depois já sabe onde está guardado o site dos jogos favoritos.

A Inês tem agora uma flauta nova que custou tanto como um ordenado meu. Foi paga com um cartão multibanco que tem gravado o nome da minha mãe. Foi um investimento e pêras. Haverá frutos.
A Maria está tão gira e grande. Continua a segredar-me os amores e desamores.

À parte das birras que a Carmo agora faz porque
- Eu quero voltar para o meu quarto e já não gosto de estar aqui com as manas, está tudo sobre rodas. Encarreiradinho, como eu gosto.
O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

6 comentários

Comentar post