Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

Olhos da Fervença

Rita, 16.10.06
Eu nunca tinha estado numa terra com um nome tão esquisito. "Olhos da Fervença" faz-me lembrar um caldeirão cheio de olhos arrancados às pessoas más. Ontem estive em "Olhos da Fervença".

Zero vírgua quarenta e quatro por cento dos visitantes que comentaram os posts da "loja" referiram-se às peças como nojentas e feias. Ao blogue chamaram-lhe desconchavado.
Ora eu, de estatísticas, percebo e bem. A percentagem é minoritária e os zero vírgula quarenta e quatro por cento correspondem a pessoas com baixa auto-estima, síndrome de inveja e vontade de chatear. Eu, que de psicologia também vou percebendo - não da forma como percebo a estatística, que me ocupa grande parte dos dias, mas de uma forma mais empírica e que cresce à medida que decresce a minha fervença em pouca água - aqui deixo a minha indignação quanto à falta de escrúpulos de alguém que nem sequer sabe respeitar os outros. Se pudesse, arrancava-lhes os olhos e fervia-os num caldeirão. Dada a cobardia espelhada no anonimato, fecho os olhos, os meus, que são bem giros, e imagino-vos as fuças.
Lembrai-vos de mim quando vos arderem os olhos: Uhuhuhuhuh.... é o vudu....



Obviamente, apaguei o comentário.
O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

19 comentários

Comentar post

Pág. 1/2