Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mãe-Galinha

As minhas amigas até já me escrevem os posts!

22.09.06
(Em versão rap, aos soluços)

Quando acordo escamo garoupas
Escolho batatas e lavo roupas
Tenho três filhas p´ra criar
E mais um homem pr´alimentar
Ó que raio de sina a minha
É o rap da mãe-galinha

Hoje acordei e ´tava vento
Tenho um blog, não tenho tempo
As garoupas a olhar p´ra mim
E eu a fazer assim-assim
(escamando garoupa
E a gata louca)

Trabalhos de casa e a esfregona
A gata oferece ratos à dona
A garoupa pronta, o blog vazio
Esta porra tira-me o pio.

Letra, música, orquestração e barrigada de riso da responsabilidade da Catarina
O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5

13 comentários

Comentar post

Pág. 1/2