Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mãe-Galinha

EM CASA

28.10.04
Há uma semana que estou em casa. Que é como quem diz, há uma semana que não vou trabalhar. Que é como quem diz, há uma semana que não me desloco ao meu local de trabalho institucional.

Uma mãe de três crianças fica de baixa durante 10 dias porque precisa de descansar. Esta mãe não tem nenhum problema nos braços nem nas pernas por isso, limita-se a não se levantar tão cedo nem andar em correiras durante o dia. Mas esta mãe tem-se fartado de trabalhar. Acontece que com trabalhos destes posso eu bem - tratar da criançada, cozinhar, lavar toneladas de loiça (a máquina continua avariada), passar quilos de roupa, inventar fatos de bruxa para o halloween que se aproxima, ir ao cabeleireiro (yes!), ver montras, ter umas horas para ir ao dentista, começar a mobilar a casa nova, fazer mil e um telefonemas, responder a (quase) todos os e-mails atrasados, pôr a conversa em dia e ... dormir a sesta!

Hoje sinto-me como se tivesse levado uma injecção de boa disposição. A ver vamos no que isto vai dar!



(Não me incluo na radicalidade do facto de, tendo três crianças, ter que abdicar de todo da minha actividade profissional. Gosto de trabalhar, gosto do sítio onde trabalho, sabe-me bem desligar o botão "mãe" de vez em quando. Acontece que, se pudesse exercer a minha profissão noutros moldes, ficaria muito grata ao sistema. E o sistema ficar-me-ía grato a mim, tenho a certeza. )
O nome e os conteúdos deste blogue estão protegidos por direitos de autor.
© Rita Quintela
IBSN 7-435-23517-5